sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Prefeito do PMDB declara apoio a Delcídio

Assessoria de Imprensa - MS - 08/11/2009 14:12

081109_vicentina.jpgO prefeito de Vicentina, Marcos Hermenegildo, conhecido como “Marquinhos do Dedé”, defendeu neste final de semana a reeleição do senador Delcídio do Amaral (PT/MS), em reconhecimento ao trabalho que o parlamentar faz em favor dos municípios.

“O meu partido, o PMDB, terá candidatura própria ao Senado e o candidato, com certeza, terá o meu voto. Mas o meu outro voto é do Delcídio, por tudo o que ele ajuda e continuará ajudando aos municípios do interior. Vicentina vai estar sempre junto do Delcídio”, declarou o prefeito, durante reunião com vereadores e lideranças comunitárias da cidade.

O senador agradeceu as palavras de Marquinhos e reafirmou o compromisso de continuar trabalhando pelo desenvolvimento dos municípios, independente do partido ao qual está filiado o prefeito.

“Quando o compromisso é com o povo não tem querela, não tem disputa política. Meu gabinete em Brasília permanecerá aberto para receber os pleitos, orientar projetos e ajudar vereadores, secretários municipais e prefeitos a encontrarem o melhor caminho de conseguir investimentos públicos e privados que resultem na melhoria da qualidade de vida da população. Além disso, como faço todo final de semana, vou continuar percorrendo a capital e o interior do estado para ouvir as reivindicações e debater soluções, olhando no olho das pessoas, sem conversa mole, sem lero, fazendo aquilo que os cidadãos esperam de um político. Meu esforço é no sentido de honrar a confiança que os eleitores de Mato Grosso do Sul depositaram em meu nome”, afirmou Delcídio, que neste final de semana esteve em seis municípios da Grande Dourados e do Vale do Ivinhema. O senador aproveitou a ida a Vicentina para visitar obras que viabilizou, como a ampliação da Escola Antonio Alves Feitosa, e discutir novos projetos. Ele se comprometeu a conseguir mais R$ 700 mil para o asfaltamento de ruas na cidade.

Investimentos

081109_juti.jpgEm Juti, onde foi saudado pelo prefeito Ricardo Lopes (PSDB) , o “Grilo”, como “maior companheiro das prefeituras de Mato Grosso do Sul em Brasília”, Delcídio discutiu com lideranças políticas o projeto de implantação de rede de drenagem na região da COHAB.

“Vamos correr com esse projeto em Brasília para que os recursos sejam empenhados até o final do ano. Com a garantia da verba, a prefeitura pode fazer a licitação e iniciar as obras , porque a partir de abril do ano que vem nenhum recurso federal será liberado em função das restrições impostas pela legislação eleitoral”, alertou o senador.

081109_anaurilandia.jpgDelcídio esteve também em Anaurilândia, onde prestou contas do mandato em reunião na Câmara de Vereadores e se comprometeu a fazer gestões junto à Companhia Energética de São Paulo-CESP para que a empresa cumpra o Termo de Ajustamento de Conduta-TAC firmado com os municípios atingidos pela formação do lago da Usina de Porto Primavera.

“Não podemos mais conviver com isso. A CESP tem que fazer as obras compensatórias e liberar os recursos prometidos para minorar os problemas causados em toda essa região. Aqui em Anaurilândia, por exemplo, os pescadores foram os mais atingidos e eles não podem ficar no prejuízo”, advertiu o senador, que terá audiência nos próximos dias com a direção da empresa.

081109_bataypora.jpgEm Batayporã, Delcídio se reuniu com o prefeito Edson Ibrahim (PMDB) e assumiu o compromisso de obter mais R$ 150 mil para equipar o Centro de Atendimento Infantil que já está pronto e foi construído com verba que o próprio senador conseguiu junto ao governo federal. Além disso, a prefeitura solicitou mais R$ 400 mil para asfaltar as ruas da Vila Maria Gonçalves.

081109_taquarussu.jpgA última escala da visita de Delcídio ao interior neste final de semana foi em Taquarussu, onde ele vistoriou, ao lado da prefeita Verônica Lima (PR), a construção de casas populares. O senador se comprometeu a viabilizar dois pleitos do município: a doação de ônibus da Receita Federal para o transporte escolar e recursos para drenagem e asfaltamento de ruas na área urbana.